Noz Moscada

 

Noz   Moscada

Nomes populares:  moscadeira, muskatnuB, amharic gewz (Alemão),basbasa, josat al teeb ( árabe), mutwinda (burmês), rou dou kou , jon  tou k  ou , jon  tau  kau, tau  kau  ( Chinês), moscada, nuez  (Espanhol),lõhnav  muskaadipuu ( estoniano), muskottipahkin ( Finadalês), djus hendi( Farsi), noix muscade, muscade ( Francês),jayfal ( Gujrati), jaiphal, taifal, kathal( Hindu) nootmuskaat ( Holandês), szerecsendiô( Húngaro), pala ( Indonésio), nutme  g ( Inglês), mûskat  buah pala ( Malaísio), kemban  g pala, pokok pala ( Malaísio), jayphal (marathi), muskatnott ( Noruega),muskatniy orekh ( Russo),jatiphala( Sânscrito), sadikka( singhalês),, muskotnot,( Sueco),duguan(Tagalog), chan thet , lukchand,chan ban ( Tailandês),zati dza ti (Tibetano),kuçuk  hindistancevizi (Turco)

Nome cientifico:  Myristica fragrans Houtt

Família:  Myristicaceae

História:

No período romano a noz de moscada era muito referenciada . Na idade média era muito valorizada como especiaria e em macis usada para culinária e em medicina. Foi vendida por mercadores árabes à República de Veneza era distribuída na Europa a preços exorbitantes. Como os mercadores nunca divulgavam a localização exacta da sua fonte, nenhum europeu conseguia deduzir a sua origem. Em 1511 Afonso de Albuqueruqe conquista Malaca, considerada o centro do comércio asiático. Ao saber da localização das ilhas Banda, o rei  enviou uma expedição de três navios ao comando do seu fiel amigo António de Abreu para as encontrar. Guiados pelos malaios , chegaram em 1512, permaneceram um mês onde compraram e enchendo os seus navios com noz moscada e cravinho. Mais tarde passou a ser cultivada na índia , na Malásia, Caraíbas e noutras regiões, após a noz moscada e o macis serem negociados pelos holandeses.

 Aplicações:

Abcessos, aftas, anemia, antraz ,ventosidade, asma, atonia e cólica intestinal, cólicas  do estômago, debilidade, diarreia crónica ,dispepsia, doenças do estômago, dores do estômago, dor lombar, dores reumáticas, estimulante cerebral, expulsão de pus, flatulência, fortificante, fraqueza do estômago, hemorragias, hemoptises, hemorróidas, leucoses, mau hálito, náuseas causadas por outras drogas, otites supuradas, perda de memória, reumatismo gotoso, soluço, supurações da pele, tímpano, tónico, trato gastro  – intestinal. O gel da noz – moscada serve para as dores reumáticas

Partes Utilizadas:

Noz

Propriedades medicinais:

Digestivo, Aperiente, afrodisíaca, anti-inflamatório, carminativa, diurética, emoliente, estomáquica, sedativa tónica

Retirado de:

http://www.cantoverde.org/150plantas/organizacao.htm

http://www.plantamed.com.br/

http://pt.wikipedia.org/wiki/Noz-moscada