Mamoeiro

 

               Mamoeiro

Nomes populares:  mamão-macho, mamão-de-corda, papaia, papaeira ( Brasil), mamoeiro, mamão, carica ( Portugal), papayo, papaya, marmón, mamén, arbol de melón, zapote ( Espanha), papayer ( Francês), papaya ( tree), melon tree ( Inglês)

Nome científico: Carica papaya

Família: Caricáceas

História:

O mamoeiro é originário do sul do México e é uma mais consumidas  frutas do mundo pelo  seu alto valor nutricional, como pelo poder medicinal. A polpa, retirado da parte interna do tronco, é rica em nutrientes. Em Angola e Moçambique usam-se os termos mamão/ mamoeiro para o identificar. As bagas são de forma oval. A casca é macia e amarela ou esverdeada. A polpa é de cor de laranja, forte , doce e macia. As sementes localizam na cavidade central do fruto e são de cor negra e rugosa. Pode ser consumido em saladas e sumos. O látex da casca serve como amaciador de carnes. O seu alto teor de papaína, uma enzima alcalóide, que é usada em medicamentos para tratamento de distúrbios gastrointestinais e para reabsorção de hematomas. Actualmente é cultivada nos países tropicais e nos Estados Unidos, onde foi primeiramente introduzida na Florida, Havai, Porto Rico e nas ilhas virgens.

Aplicações:

A raiz cozida serve dá um bom tónico para os nervos e um óptimo remédio para as hemorragias renais. As folhas secas do mamoeiro dão um agradável chá digestivo que pode ser dado às crianças, porque não contém cafeína. O sumo leitoso extraído das folhas é o vermífuco energético. Usa-se diluído em água e também serve como digestivo e cura feridas. Além disto, a medicina popular aplica para o tratamento de eczemas, verrugas e úlceras. Os índios usavam as folhas do mamoeiro como tónico amaciador para  carnes . As flores macho do mamoeiro serve prepara-se um xarope que combate a rouquidão, tosse, bronquite, gripe e indisposições gástricas. Para isso basta colocar as flores, com um pouco de mel numa vasilha resistente ao calor, mas que não seja de alumínio. Acrescenta-se um copo de água fervendo, e tapa-se bem. Depois de arrefecer, toma-se de hora em hora. Pode se fazer doces e ensopados com o fruto verde. A parte interna da casca do mamão serve para remover manchas, suavizar a cútis áspera e eliminar rugas. Isto tudo em esfregar. A mastigação de 10 a 15 sementes frescas eliminas os vermes intestinais, regenera o fígado e limpa o estômago. O consumo em quantidade é eficaz contra cancros e tuberculose. O mamão deve ser colhido maduro.

Partes Utilizadas:

Látex, folhas e frutos

Propriedades medicinais:

vermífugo, mineralizante

Retirado de:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Papa%C3%ADna

http://www.cantoverde.org/150plantas/organizacao.htm

http://www.pousadajardimdoeden.com.br/mensagens/cantinho_das_plantas/mamao_tesouro.php.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: